Deus nunca renega seus filhos, enfatiza Papa na catequese

Na audiência geral desta quarta-feira, Papa atentou para a marca indelével do Batismo, que não pode ser apagada por pecado algum

Da Redação, com Boletim da Santa Sé 

Papa durante a catequese desta quarta-feira, 9 / Foto: Reprodução Youtube – Vatican News

O Batismo abre a porta para uma vida de ressurreição e possui uma marca indelével, disse o Papa Francisco na catequese desta quarta-feira, 9. Hoje, seguindo no ciclo de reflexões sobre o sacramento e tendo em vista o tempo Pascal vivido pela Igreja, o Papa dedicou-se ao tema da regeneração pelo Batismo. 

Francisco explicou que: a fonte batismal é o lugar onde o homem velho é sepultado para que renasça uma nova criatura. “O renascimento do novo homem exige que seja reduzido a pó o homem corrompido pelo pecado”. 

Uma vez renascidos filhos de Deus, assim será para sempre, lembrou o Papa. Citando o Catecismo da Igreja Católica (1271), ele atentou para o fato de que o Batismo não se repete, porque imprime um sinal espiritual indelével, que não pode ser apagado por pecado algum, embora o pecado possa impedir o Batismo de dar frutos de salvação. 

Mesmo que uma pessoa cometa injustiças, essa marca não se apaga e ela continua sendo filha de Deus, disse o Papa, enfatizando: “Deus nunca renega seus filhos”. 

O Santo Padre ainda destacou que, mediante a ação do Espírito Santo, o Batismo purifica, santifica e justifica para formar em Cristo um só corpo. “Irmãos e irmãs, a vocação cristã está toda aqui: viver unidos a Cristo na santa Igreja, partícipes da mesma consagração para realizar a mesma missão, neste mundo, produzindo frutos que duram para sempre”. 

O post Deus nunca renega seus filhos, enfatiza Papa na catequese apareceu primeiro em Notícias.

Comentários

comentários

Deixe uma resposta